Ações certas para o alvo certo

Existem muitas dúvidas num processo de cobrança que nos fazem repensar o modelo o qual atuamos. Percebemos que na sua maioria, a grande dúvida que perpassa são referente as ações de cobrança e sua efetividade. Gostaríamos de compartilhar com vocês uma reflexão acerca do assunto, o qual gera polêmica, porém muito importante para o desenrolar de várias políticas e diretrizes de implantação de políticas de cobrança.

Primeiro, vamos falar do método de régua de cobrança, atualmente usada e difundida em vários processos. Certamente você já desenhou ou desenvolveu uma régua de cobrança para sua empresa, para que esta seja uma grande ferramenta no apoio a cobrança. Também nós temos defendido o uso deste método como grande apoiador no processo. Para esclarecer um pouco mais, segue abaixo um exemplo clássico de uma régua de cobrança afim de apresentarmos algumas características deste método:

Principais características apresentadas:

  • Escala de ações por período de atraso
  • Ações de maior impacto conforme o escalonamento

Este modelo é muito usado e não há nada de errado, no entanto vamos expor alguns questionamentos a seguir:

  1. Em qual escala da régua meu cliente costuma pagar? esta pergunta nos faz pensar no que estou buscando com a cobrança, antecipar o recebível ou então ter menos esforço na cobrança?
  2. Será que o meu cliente está me pagando somente naquele período porque eu já conheço a polítca dele e ganho tempo para pagamento considerando que não haverá impactos maiores para o meu nome naquela fase da régua?
  3. Você já pensou em pular a fase da régua para agir somente no momento certo?
  4. Todas estas ações me custam quanto?
  5. Vale a pena gastar muito para um indice de probabilidade de pagamento pequeno?
  6. É certo que eu invista mais em clientes com maior possibilidade de realizar a quitação da dívida?
  7. E aqueles clientes que sempre pagaram direitinho e agora estão devendo, devo me preocupar?

Todos estes questionamentos são pertinentes, e não existe um certo e errado. Esta análise depende muito de como você trata a sua inadimplência, o volume da sua carteira, o perfil do seu cliente e os objetivos que você deseja com a sua cobrança. Por isso, não consideramos um certo e errado. Esta avaliação precisa ser feito em conjunto, pois não queremos lhe vender um software, queremos lhe vender uma eficiência na recuperação dos seus créditos pendentes.

Então, são estas perguntas que queremos resolver juntos com vocês. Estamos preparando em nossa solução funcionalidades que permitirão encontrar estas respostas.

Nossa solução é diferenciada pois não são apenas automatização de processos, mas sim processos certos para o alvo certo de forma automatizada.